Noticias

Todos os detentos da Cadeia Pública de Crateus foram transferidos para Fortaleza

Compartilhe!

Agentes penitenciários realizaram transferência de praticamente todos os detentos da cadeia pública de Crateús para Fortaleza. No final da tarde desta quinta (17) cerca de 3 ônibus e ainda algumas Vans com vários agentes penitenciários do Estado do Ceará, chegaram no 7° Batalhão de Polícia Militar, onde fica localizada a cadeia pública da cidade de Crateús para realizar o procedimento de transferência.

Cumprindo determinação do atual secretário de Justiça praticamente todos os detentos da cadeia pública foram transferidos, ou seja, ficaram apenas cerca de 3 que trabalham na cozinha e as detentas.

Durante todo o procedimento da retirada dos detentos da cadeia, houve uma intensa movimentação no Batalhão de Polícia Militar.Foi isolado todo o quarteirão para dar segurança durante a transferência. Centenas de familiares estiveram nas imediações, alguns inclusive, chegaram a passar mal no momento da saída dos detentos.

De acordo com informações repassadas para a nossa reportagem a cadeia pública de Crateús que tem capacidade para 60 detentos hoje estava com mais de 250 presos o que era realmente um absurdo. Segundo ainda informações a cadeia pública deverá ser desativada pois esta é uma determinação do atual secretário. Observação: Os detentos que trabalham na cozinha ficaram em Crateús mas deverão ser transferidos para Novo Oriente e em breve a informação é de que as mulheres também serão transferidos para outras unidades penitenciárias do Estado do Ceará.

Policiais militares comemoraram a retirada dos detentos haja visto que a cadeia pública de Crateús atualmente funciona no mesmo prédio do sétimo batalhão e devido a isso tem dificultado bastante o trabalho da Polícia Militar, Pois por várias vezes é necessário vistoriar as imediações para evitar que algo de anormal seja jogado para cadeia e também porque são destinados alguns policiais para ajudar na segurança no prédio.

Observação todos os detentos foram apenas com a roupa do corpo, ou seja, não levaram nada. De acordo com informaçoes eles serão levados para um Centro de Triagem e depois serão distribuídas em cadeias do Estado do Ceará.

Fonte: Tony Sales


Compartilhe!

Dr Andre Luis médico otorrinolaringologista. Mais de 20 anos de experiência. Atende na Laboclínica. 36912167

error: Conteúdo Protegido !!