Noticias

MULHER ENCONTRADA MORTA DENTRO DA PRÓPRIA RESIDÊNCIA EM CRATEÚS

Compartilhe!

Uma mulher foi encontrada morta no final da tarde desta terça-feira (30) na cidade de Crateús. Ainda não se sabe ao certo se foi morte natural ou se a mesma foi assassinada pelo companheiro. Por volta das 17h00 horas a Polícia militar foi acionada dando conta de que havia acontecido um feminicídio na boa vista, próximo ao bairro ponte preta, próximo ao campo dos vencedores. Policiais foram até o local e lá chegando encontraram a vítima já sem vida no quarto de sua residência.

Vera Lúcia evangelista Cavalcante -37 anos, filha de Francisca evangelista Cavalcante e José leite evangelista Cavalcante, natural de Crateús, doméstica, amasiada, residente em boa vista. Policiais militares estiveram no local viatura 7261 Sargento Marcos, cabo Adelson e soldado S Ferreira.e também uma equipe da Polícia Civil comandada pelo doutor Alan.

O que mais chamou a atenção é que o companheiro da vítima não foi localizado. O Antônio Marcos neto, conhecido como Marquim cigano- 40 anos, natural de Crateús, amasiado, residente no local. A polícia militar tomou conhecimento. Através do irmão da vítima identificado por Zé filho que Marquim teria afirmado que anteontem o mesmo teria agredido a vítima com pedaço de madeira, uma tábua. Hoje, segundo familiares de Marquim, ele teria procurado familiares dizendo que ela teria passado mal. O que chama a atenção é que o mesmo até agora não se apresentou para a polícia ou para a polícia civil. O corpo da vítima será enviado para o IML da cidade de Tauá. Ainda, segundo familiares os dois viviam bebendo constantemente e sempre costumavam ir às vias de fatos.

Como já  informamos, ainda não dá para informar se foi feminicídio ou se foi morte natural, mas de acordo com informacoes, no dia de hoje Vera estaria se queixando de dores, possivelmente ainda devido às agressões sofridas.

Fonte: Tony Sales

Vera Lúcia evangelista Cavalcante -37 anos, filha de Francisca evangelista Cavalcante e José leite evangelista Cavalcante, natural de Crateús, doméstica, amasiada, residente em boa vista. Policiais militares estiveram no local viatura 7261 Sargento Marcos, cabo Adelson e soldado S Ferreira.e também uma equipe da Polícia Civil comandada pelo doutor Alan.

O que mais chamou a atenção é que o companheiro da vítima não foi localizado. O Antônio Marcos neto, conhecido como Marquim cigano- 40 anos, natural de Crateús, amasiado, residente no local. A polícia militar tomou conhecimento. Através do irmão da vítima identificado por Zé filho que Marquim teria afirmado que anteontem o mesmo teria agredido a vítima com pedaço de madeira, uma tábua. Hoje, segundo familiares


Compartilhe!

Comente com Facebook