Noticias

ACUSADO DE FURTAR BOLSA COM DINHEIRO NO CENTRO DE CRATEÚS FOI PRESO PELO RAIO

Compartilhe!

Nesta quinta feira 22/10/2020 por volta das 16:30, a equipe Raio 02 recebeu informações via Copom que teria acontecido um furto em uma lanchonete localizada na Moreira da rocha 567. De pronto a equipe se deslocou para o local para verificar as imagens do estabelecimento, onde também foi contactada a vítima e a mesma informou que teria sido furtado a sua bolsa de cor preta com algumas chaves de casa dentro e uma quantia de 670 reais.

Visto as imagens foi identificado um indivíduo por nome de Natanael residente na rua dos Tabajaras 480. De pronto a equipe deslocou até a residência do mesmo aonde ele acabou sendo encontrado e feita uma busca pessoal e nada de ilícito foi encontrado e ao ser indagado pelo furto o mesmo relatou que teria ficado com a quantia de r$ 200 e gastou r$ 10. O mesmo levou os pms até o quarto da casa onde foi encontrada a quantia de r$ 190 e depois levou a equipe até o muro onde foi encontrada uma chave dentro de uma caixa.

Indagado o mesmo sobre o restante do dinheiro informou que sua esposa teria levado para Nova Russas. Diante da informação a equipe se deslocou até a cidade de Nova russa mais precisamente no bairro Timbaúba onde localizou a companheira do mesmo. Indagada sobre a ocorrência a mesma negou a participação mas depois de alguma conversa acabou relatando que teria ficado com a quantia de r$ 421,25.

Diante dos fatos, pms conduziram as pessoas e a quantidade apreendida até a delegacia regional de Crateús, para serem tomadas as providências legais cabíveis.

Acusado : Natanael Alves Soares
Nascimento: 12/04/1992
Naturalidade: Santa Quitéria
End: rua dos Tabajaras 480 bairro São Vicente Crateús
Estudante
Casado

Vítima: Fabíula Alves da Silva
Filiação: Antônio Francisco da Silva Cruz
Marlene Alves da Silva
Nascimento: 08/03/1988
Naturalidade: Crateús
End: Distrito de Vaca morta
Vendedora

Material recuperado:
✓611,25 reais
✓uma chave
✓uma bolsa preta

O acusado foi autuado no artigo: 155 parágrafo 4° inciso 4° ( Furto)
Foi arbitrada a fiança no valor de um salário mínimo, cuja a mesma ainda não foi paga.

Delegado: Dr Juliano de Almeida Paz


Compartilhe!

Comente com Facebook

error: Aviso: Conteúdo Protegido !!