Noticias

DETALHES SOBRE A PRISÃO DO EX-VEREADOR PAULO TELES

Compartilhe!

Por volta das 15:40 desta quarta 24 foi preso através de mandado de prisão o ex-vereador Paulo Roberto Telles de Souza endereço Fazenda Éden de acordo com informações o mesmo compareceu à delegacia de polícia para registrar um boletim de ocorrência quando acabou recebendo voz de prisão Paulo Telles é acusado do crime de extorsão artigo 158 do código penal brasileiro.

Art. 158 – Constranger alguém, mediante violência ou grave ameaça, e com o intuito de obter para si ou para outrem indevida vantagem econômica, a fazer, tolerar que se faça ou deixar de fazer alguma coisa:

De acordo com o que apurou a Delegacia Regional de Polícia Civil, Paulo Teles praticou o crime contra a própria irmã, no caso, a vereadora Eliane Teles. Em um audio que circula nas redes sociais Paulo tele diz o seguinte: ” Olha Lucilene, bom dia. Eu sou homem de verdade, eu tenho coragem até demais, eu sou filho do Manoel Teles Viana. Eu vou dar até às 14 horas para a Eliane ligar para Doutor Gomes chefe de gabinete do prefeito dizendo que a indicação da secretaria é minha. Se ela não ligar, até a noite eu descarrego um revólver na cara dela e do Marcelo e me mato em seguida. Eu vou dar até às 14h00 horas para ela fazer essa ligação para o doutor Gomes’.

Os áudios foram repassados para a delegacia regional, foram colhidos os depoimentos e foi solicitada a prisão para o ex-vereador, onde o juiz imediatamente acatou o pedido decretando a prisão contra o mesmo. Após a prisão Paulo Teles foi levado para ser submetida a exame de corpo delito e logo em seguida encaminhado para o Centro de triagem em Novo Oriente.

Observação: Ainda pela manhã o veículo Hilux de cor branca que era de propriedade do ex-vereador havia sido apreendido pois o mesmo havia comparecido na delegacia no dia anterior informando que seu cunhado Marcelo e sua irmã Eliane haviam subtraido o carro de sua residência. Marcelo afirma que o carro não pertence mais ao ex vereador e sim já era de sua propriedade, inclusive o veículo já estava com uma outra pessoa para ser vendido.

Paulo Teles já havia passado um certo tempo no Centro de triagem em Novo Oriente acusado de embriaguez ao volante e a poucos meses estava em liberdade.

Fonte: Tony Sales


Compartilhe!

Comente com Facebook

error: Content is protected !!